Senhores deputados, vocês vão reduzir os salários dos(as) servidores(as) aposentados(as) e ativos(as)?

A FETEMS (Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul), os 74 SIMTEDs, o SINPOL/MS (Sindicato dos Policiais Civis de Mato Grosso do Sul), ADUEMS (Associação dos Docentes da UEMS) e o SINDIJUS-MS (Sindicato dos Trabalhadores do Poder Judiciário de Mato Grosso do Sul) repudiam a Reforma da Previdência proposta pelo governo do estado de Mato Grosso do Sul.

Conclamamos os Deputados Estaduais a não votarem neste Projeto de Aumento da Alíquota da Previdência Estadual sem fazer um amplo debate com os(as) Servidores(as) Públicos(as), para não ficarem na história como os deputados que pela primeira vez votaram pela redução dos salários dos(as) Aposentados(as) e Ativos(as).

Em tempo de pandemia do CoronaVírus (COVID 19), não é justo com os(as) Servidores(as) e nem necessária essa votação, pois não é verdade que a Emenda feita na Constituição Federal obriga todos os estados a repassarem integralmente a Alíquota de 14% aos Servidores(as) Aposentados(as) e Ativos(as).

O debate é importante para que possamos buscar alternativas que não sejam tão devastadoras quanto o Projeto apresentado pelo Governo de Mato Grosso do Sul, mas entendemos que a melhor decisão é a retirada deste projeto que ataca os direitos dos trabalhadores.

Deputados, vocês são representantes dos(as) Servidores(as) Públicos(as) Estaduais e queremos debater este Projeto que ataca de forma nefasta a remuneração dos(as) Servidores(as) Aposentados(as) e Ativos(as), portanto solicitamos a retirada do Projeto desta Casa de Leis.