Semana termina sem proposta da prefeitura e professores continuam em greve

         Mais uma semana termina sem solução na greve da REME. Nesta sexta-feira (12), os professores fizeram atos de cobrança para o cumprimento da lei do piso por parte do Poder Executivo. Mais de 600 profissionais da educação estiveram ao longo do dia no Paço Municipal.
         Pela manhã, o secretário de administração e educação, Wilson do Prado, recebeu diretores da ACP e acenou com a possibilidade de encaminhar uma proposta para os trabalhadores, de integralizar o piso salarial para uma jornada de 20h. Por volta das 11h30, Wilson do Prado e o vereador Edil falaram com a diretoria da ACP e um grupo de professores, em frente ao Paço Municipal, que não apresentaria a referida proposta no dia de hoje e somente na terça-feira (16).
         O prazo de quatro dias para que o Executivo se manifeste, novamente faz com que a greve continue na próxima semana. A categoria segue mobilizada para cobrar seus direitos. "Lamentamos a insensibilidade da prefeitura ao não atender uma lei que a categoria cobra para colocar fim ao movimento grevista", destaca o presidente da ACP, Geraldo Alves Gonçalves.