ACP segue cobrança ao governo para mudança na Reforma da Previdência Estadual

A ACP segue na luta pela retomada do diálogo com o Governo do Estado a fim de reverter o aumento na alíquota da Previdência Estadual. O presidente do sindicato, professor Lucílio Nobre, esteve nesta quarta-feira (03), juntamente com demais representantes do Fórum dos Servidores Públicos de MS, na governadoria para protocolar ofício solicitando audiência com o Governador do Estado para apresentar as demandas dos trabalhadores.

A Reforma da Previdência de MS está causando profundo impacto nos vencimentos de todos os servidores públicos, sobretudo os aposentados. No dia 03 de fevereiro, o Fórum dos Servidores esteve na Assembleia Legislativa, para protocolar ofício ao Presidente da Casa, Deputado Paulo Corrêa, solicitando a abertura do diálogo para debater a Reforma da Previdência. No entanto, o presidente da ALMS não recebeu os servidores do Estado de MS.

A ACP acredita que é possível amenizar os prejuízos causados nos rendimentos dos servidores públicos, por meio de um novo projeto de lei, que aumente a base para o desconto, que as alíquotas sejam escalonadas e com carência maior para início do desconto, tendo em vista a grave crise que enfrentamos em decorrência da pandemia de COVID_19.

Veja o vídeo do presidente da ACP, Lucílio Nobre, explicando a Reforma da Previdência Estadual.