ACP cobra prefeitura e Semed sobre convocações, pagamento e retomada das tratativas quanto ao Piso 20h

Atenta às demandas e necessidades dos profissionais da Educação Pública, a direção da ACP protocolou, nos primeiros dias do mês de fevereiro, diversos ofícios e solicitações ao Prefeito Municipal, Marcos Trad, Secretária Municipal de Educação, Elza Fernandes e Vereadores, cobrando respostas sobre lotação, convocação de professores temporários e demais assuntos de interesse da categoria. Os assuntos também foram abordados pelo presidente do sindicato, professor Lucílio Nobre, durante transmissão ao vivo na página do sindicato no Facebook (veja aqui). A seguir, são apresentados os ofícios da ACP e as respostas já protocoladas pelos agentes públicos.

  • 005/2021: Ofício encaminhado à Secretária Municipal de Educação, Elza Fernandes Ortelhado, solicitando que o pagamento dos professores com contrato temporário ocorra no 5º dia útil do mês de Março, juntamente com os demais servidores, ou, caso não seja possível, em folha complementar até o dia 15 do referido mês;
  • 006/2021: Ofício encaminhado ao Prefeito Marcos Marcello Trad, solicitando uma reunião, com preferência para a primeira quinzena de fevereiro, para as tratativas do Piso 20h REME;
  • 007/2021: Ofícios Circulares encaminhados a todos os vereadores eleitos de Campo Grande contendo as propostas da categoria e, ainda, solicitando que todos os projetos pautados na Casa relacionados à Educação sejam discutidos previamente com a categoria.
  • 017/2021: Ofício encaminhado à Secretária Municipal de Educação, Elza Fernandes Ortelhado, no dia 10/02/2021, requerendo explicações da SEMED sobre a suspensão da chamada do Processo Seletivo referente à Educação Infantil.

No dia 09 de fevereiro, a Secretaria Municipal de Educação enviou o Ofício n. 330/GAB/SEMED, em resposta à solicitação do sindicato sobre o pagamento dos professores com contrato temporário até o quinto dia útil do mês de março ou, em caso de impossibilidade, em folha complementar, até o dia 15 de março. A SEMED informou que a demanda foi encaminhada para a Secretaria Municipal de Finanças e Planejamento (SEFIN) para análise e providências.

O sindicato segue na luta em defesa dos interesses da categoria, como chamada de todos os aprovados no concurso da REME 2016, a realização de novos concursos públicos na REME e REE, eleição direta para direção das EMEI’s, além de mobilizar os filiados para a luta contra as reformas que retiram direitos dos trabalhadores e trabalhadoras. “Em 2021, enfrentaremos grandes batalhas contra a Reforma Administrativa, novas alterações na Previdência e em defesa do Piso 20h e, principalmente, em defesa da vida, por meio da vacinação prioritária dos trabalhadores da educação e toda população contra a COVID-19. Devemos estar mobilizados e seguir na luta”, pontua o presidente da ACP.

Quando à vacinação contra COVID-19, o sindicato lançou, no início do ano a campanha “Vacinação Já! Prioridade para professores e trabalhadores da Educação” (Clique aqui e saiba mais).

Para seguir realizando a defesa dos direitos da categoria, a ACP convocará, para os próximos dias, uma Assembleia Geral Extraordinária REME / REE para deliberar sobre diversas pautas, dentre elas, o retorno das aulas presenciais.

ACP – Desde 1952, nossa luta não para!